Uma aventura on the road pela Califórnia

Diego Canhada - 03/09/2017
Road Trip Califórnia

Em 2015 eu recém havia conhecido a Martinica, estávamos naquela paixão louca, morávamos cada um em uma cidade e a empresa na qual eu trabalhava me convidou para participar de um congresso em San Diego, na Califórnia. No entanto, um dos únicos lugares fora do Brasil que ela havia estado era exatamente os Estados Unidos e, com razão, não queria investir seus recursos para voltar pro mesmo país. Tive o trabalho de convencê-la que “Califórnia não é Estados Unidos” e embarcamos juntos no que se tornou uma das melhores viagens de nossas vidas.

Com uma das passagens pagas, conseguimos uma promoção pela Delta e chegamos por Los Angeles, onde alugamos um carro. Um dos carros mais em conta era um Dodge de seis cilindros monstruoso, mas que em um hotel na periferia da cidade o dono olha e diz: “tu alugou um dos pequenos!”. O carro levaria quase minha família toda, mas tudo nos States é gigantesco.

Aventura on the road pela Califórnia | Los Angeles

Em LA fomos conhecer a linda e nobre região da cidade onde estão os letreiros de Hollywood e a Calçada da Fama: normal, eu estava com uma estrela! Vimos a gigantesca cidade do alto do seu observatório astronômico e conhecemos Venice Beach, a mais maluca praia do mundo, conhecida pelas “consultas médicas” para obter receitas para fumar maryjuana, por ser uma espécie de zoológico humano com a galera mais alternativa do Universo e também praia dos Red Hot Chili Peppers, que inclusive tem um clipe bem bacana gravado por lá.

Em uma cidade próxima, ainda na grande Los Angeles, trocamos a possibilidade de conhecer a Disney californiana pelo parque mais legal em que já estive: Six Flags Magic Mountain, o maior parque de diversões especializado em montanhas russas. Enquanto a Martinica se apavorou já em uma montanha beginner, eu tive uma experiência inesquecível de adrenalina total ao lado dos teenagers americanos e seus enormes hambúrgueres. Lembro-me de estar com as mãos suando frio e correndo de lado a outro, com minha linda ao lado, para aproveitar todas as montanhas que fossem possíveis.

Aventura on the road pela Califórnia | San Diego

Logo partimos para a bela San Diego, uma cidade bem mais tranquila e a que mais gostei entre as três grandes da Califórnia. Passamos os três dias de congresso por lá, mas no tempo livre deu para admirar sua bela orla e sair uma ou outra vez, o que nos fez conhecer o alto astral da cidade. San Diego é uma cidade que eu realmente gostaria de voltar com mais tempo, me impressionou muito por sua beleza, organização e modernidade. Se Los Angeles e San Francisco são muito interessantes de visitar, San Diego parece especial para se viver.

De lá começou um dos maiores trechos que fizemos em uma só tacada, com uma passada por La Jolla, que dizem ser a mais bonita praia de San Diego. Foi uma rápida passagem, mas que valeu muito a pena: o lugar é um show, como quase tudo que vimos na Califórnia. Percorremos mais de 1000 km por paisagens alucinantes, desérticas e até conseguimos tomar um café em um cruzamento com a famosa Route 66. Parecia que estávamos em um filme, especialmente vendo aqueles motoqueiros conosco no local.

Lá pela madrugada, os dois cansados e morrendo de fome, combustível quase acabando e nós no meio do nada na escuridão total, entramos no estado de Nevada e, enfim, achamos um posto de gasolina com conveniência. Pudemos comprar e comer na hora um miojo, que foi apreciado como uma refeição dos deuses. E saímos de lá com um aviso: “cuidado para não atropelar nenhum urso que essa hora eles podem cruzar a estrada”. Era o que faltava para a aventura ser completa!

Aventura on the road pela Califórnia | Lake Tahoe

Algumas horas depois, com Martinica já apagada, chegamos à pousada que tínhamos reservado em South Lake Tahoe, uma pequena cidade às margens do Lake Tahoe, que queria conhecer porque um amigo americano tinha dito que era o local mais bonito que tinha estado nos EUA. Quando acordamos, vimos a beleza do local em que estávamos: uma espécie de bosque com pequenas casas, em que uma delas era a nossa. Foi fantástico! E saímos a explorar a região, curtindo a pequena cidade, muitas paisagens e uma natureza esplendorosa. O ponto alto de Lake Tahoe foi um parque chamado Emerald Bay, em que o próprio nome diz: olhando do alto, suas águas cristalinas possuem uma incrível cor esmeralda.

Aventura on the road pela Califórnia | San Francisco

Após uns três dias aproveitando o local, partimos para San Francisco. Após uma viagem em altíssima velocidade por paisagens montanhosas cheias de coníferas enquanto Martinica dormia, chegamos ao nosso destino. Em San Francisco, nos hospedamos em um hostel bem movimentado no coração da metrópole, praticamente ao lado da Union Square, um local super cosmopolita e que reúne algumas das principais lojas e atrações da cidade.

Além das voltas pela área com deliciosas refeições em pequenos e baratos restaurantes tailandeses, porque praticamente todo o resto era inviável pro nosso bolso, conhecemos dois pontos de grande interesse: a famosa ponte Golden Gate, que infelizmente estava muito encoberta por nuvens, e o Píer 39, um local bem movimentado, cheio de barzinhos e aonde vai gente de todo o mundo ver os leões marinhos que ficam por ali.

Além de uma degustação de chopps no Píer, a grande experiência foi ter conseguido embarcar em uma limusine para turistas pelo preço do transporte público convencional para chegar até lá. Nesse momento a Martina realmente se sentia uma princesa, embora na descida o cara quisesse nos cobrar uma comissão adicional e tenha nos chamado de pão duro quando pagamos exatamente o que tínhamos combinado de pagar ao entrar na tal limusine engana-turistas.

Aventura on the road pela Califórnia | Big Sur

E para voltar a Los Angeles fizemos a grande viagem de nossas vidas de carro, o trecho pela Highway 1, a estrada conhecida como Pacific Coast Highway, que vai beirando a costa californiana e passando por um sem número de praias, balneários e paisagens. Quando chegamos a Monterey, fomos conhecer o Monterey Bay Aquarium, um dos maiores aquários de água salgada do mundo e realmente impressionante. Após Martinica se encantar com as medusas de todos os tamanhos e cores, seguimos viagem até Carmel e dormimos em um desses motéis americanos de beira de estrada.

Começamos o outro dia entrando em uma pequena e pitoresca estrada privada que vai passando por praias e campos de golfe: a 17 Mile Drive, uma dica imperdível que obtivemos nas leituras quando planejávamos a viagem. E logo entramos no trecho mais bonito de toda a viagem: a Big Sur, a grande joia de todo o trajeto. Um trecho da Highway 1 que é repleto de parques naturais, pontes antigas e paisagens de tirar o fôlego. Paramos o carro e fizemos uma pequena trilha em um desses parques e pudemos ver a paisagem mais esperada no Julia Pfeiffer Burns State Park: uma cachoeira que cai diretamente em uma linda e deserta praia. Depois de um dia intenso com incontáveis paisagens e milhares de paradas para fotos e contemplação, já que a Big Sur é um dos locais mais bonitos que vimos no mundo, jantamos em um restaurante com comida deliciosa e dormimos em outro desses motéis americanos na cidade de San Simeon.

No outro dia acordamos cedo e fomos fazer uma degustação de vinhos em uma pequena bodega chamada Harmony, em uma cidade homônima que possui 18 habitantes, ou seja, possui apenas a bodega! Parada não planejada, mas como tínhamos bebido um vinho dessa bodega na noite anterior e tínhamos gostado muito, nem pensamos duas vezes ao passar pela cidade-bodega. Não poderia faltar uma pequena experimentação de um vinho californiano na viagem.

Felizes e na vibração do vinho, percorremos o que nos faltava até Los Angeles e ainda teve muitas praias e paisagens, com destaque para uma rápida parada em Malibu e a possibilidade de curtir a golden hour no Pier de Santa Monica. Fizemos muitas viagens depois dessa, mas talvez por ter sido nossa primeira viagem internacional, essa é uma que tem um lugar especial em nossos corações e que gostaríamos muito de repetir. Algumas roupas compradas por preços inacreditáveis em alguns outlets pelo caminho, que utilizamos até hoje, também não nos deixam esquecer. Para quem gosta de viajar de carro, não há nada como a Califórnia. 

Algumas fotos desta viagem: